×
HOME BELEZA BUSINESS E NEGÓCIOS CULTURA DESTINOS EVENTOS GASTRONOMIA HOTELARIA MODA PETS SOCIAL TURISMO ZILDA BRANDÃO DICAS DE VIAGEM QUEM SOMOS TV ZILDA BRANDÃO ÚLTIMAS NOTÍCIAS FALE CONOSCO
     

Whats Instagram Instagram Facebook
×
ENCONTRE SUA NOTÍCIA

CULTURA

Duque é deposto por seu irmão, Frederico, e refugia-se na Floresta de Arden. Sua filha Rosalinda é mantida na cidade graças ao apreço de sua prima Célia. Anos depois, Rosalinda apaixona-se pelo jovem Orlando. Esse encontro sofre um revés: Orlando foge ao

Zilda Brandão
27/07/2015 às 1:41hs




Pedro Paulo Rangel e Andrea Dantas

em

COMO A GENTE GOSTA

De William Shakespeare

Tradução Vinicius Coimbra e Gabriel Falcão

Direção e Adaptação Vinicius Coimbra

Com Pedro Paulo Rangel, Andrea Dantas, Priscila Steinman, Gabriel Falcão, Patrícia Pinho, João Lucas Romero, Alexandre Contini, Xando Graça e Jitman Vibranovski

Estreia dia 31 de Julho no Teatro Nair Bello

Comédia de Shakespeare, com direção de Vinicius Coimbra, estreia em São Paulo após bem sucedida temporada carioca



Laços desfeitos em nome de ambições pessoais. Uma paixão avassaladora. Uma personagem que troca de identidade e coloca o amor do pretendente à prova. Interesses amorosos correspondidos ou não. Um final feliz. Coisas de novela? Poderiam ser se não tivessem saído da cabeça de um gênio do teatro em idos do século XVII. Essas e outras situações compõem a trama de Como a Gente Gosta (As you like it), comédia de William Shakespeare dirigida por Vinicius Coimbra e cujo elenco traz Pedro Paulo Rangel, Andrea Dantas, Priscila Steinman e Gabriel Falcão, entre outros nomes dos palcos e da TV. A montagem iniciou tournê pelo Teatro Abel (Niterói) em 01 de maio e chega ao Teatro Nair Bello para curta temporada, após temporada no Teatro Dos Quatro, no Rio de Janeiro. A montagem é especial para vários dos artistas envolvidos.

Não vem de hoje o fascínio que a obra desse autor exerce sobre Vinicius Coimbra, que traduziu e adaptou o texto. Ele costuma mergulhar na obra do bardo inglês entre um trabalho e outro para a TV Globo, onde dirigiu novelas como “Insensato coração” e “Lado a Lado” – detentora de um EMMY, prêmio máximo da TV mundial. E a vontade de fazer um Shakespeare só ganhava força. A trágica trama de “Macbeth” inspirou, por exemplo, o roteiro do longa “A floresta que se move”, que acaba de filmar. O teatro não tardaria por esperar.

No caso de Como a Gente Gosta, tudo começou com Rosalinda. Foi movido pela curiosidade pela personagem que Vinicius chegou ao texto. Mais exatamente pelas mãos de Harold Bloom, tido como o mais respeitado estudioso de Shakespeare. Dois anos atrás, durante a leitura de “A invenção do humano”, no capítulo dedicado a “As you like it”, chamaram sua atenção as observações sobre a heroína. E acabou fascinado por outro aspecto do texto: o fato de tratar do amor e suas diferentes formas. “Ao trazer pares variados, a peça brinca com os gêneros. Não só traz diferentes visões sobre o amor como mostra muito do comportamento humano. Algo totalmente atual”, analisa o diretor.

E a atualidade do texto levou-o a optar por uma montagem contemporânea. A começar pela tradução e adaptação, assinada juntamente com Gabriel Falcão, com quem trabalhou em “Malhação”. Tendo ganhado títulos que vão de “Como gostais” a “Como quiserem”, a peça virou nas mãos da dupla Como a Gente Gosta. “Quisemos com isso manter o aspecto irônico do texto. O olhar do público importa, mas quisemos também nos incluir nesse olhar. Fica mais humilde”, reconhece Vinicius. A retórica arcaica de antigas traduções deu lugar a um vocabulário atual, tendo preservado falas rimadas e uma peculiaridade do autor: a de grande frasista. “A tradução muito literal pode afastar o público, e isso não é o que queremos”, observa. O convite está feito.

Sinopse:

Duque é deposto por seu irmão, Frederico, e refugia-se na Floresta de Arden. Sua filha Rosalinda é mantida na cidade graças ao apreço de sua prima Célia. Anos depois, Rosalinda apaixona-se pelo jovem Orlando. Esse encontro sofre um revés: Orlando foge ao saber da intenção de seu irmão, Olivério, em matá-lo. Já Rosalinda é banida e foge na companhia da prima e do bobo. Para proteger sua honra, assume a identidade de Sebastião. É nessa condição que reencontra Orlando na Floresta de Arden, onde o jovem tem seu amor por ela colocado à prova. Neste ínterim, paixões são despertadas e surgem situações embaraçosas, esclarecidas após a identidade de Rosalinda ser revelada.

Além deles, Shakespeare nos presenteia com um leque de personagens espirituosos e afiados. É desta peça a célebre fala: "O mundo inteiro é um palco, e todos os homens e mulheres, apenas atores. Eles entram e saem de cena, e cada um, a seu tempo, representa muitos papéis”. O dramaturgo solta seus personagens na floresta e diverte-se ao vê-los encenar as diferentes formas que a paixão pode tomar.


COMO A GENTE GOSTA

Teatro Nair Bello (200 lugares)

Shopping Frei Caneca - Rua Frei Caneca, 569 - 3° andar.

Telefone: 3472-2414.

Bilheteria: de terça a sexta, das 14h às 21h30; sábados das 14 às 21h e domingos, das 14 às 18h. Aceita todos os cartões de débito e crédito. Não aceita cheque.

Estacionamento R$ 9 até duas horas.

Vendas: www.ingresso.com e tel.: 4003-2330.

Sexta às 21h30 | Sábado às 21h | Domingo às 19h

Ingressos: R$ 60

Duração: 80 minutos
Recomendação: 14 anos
Gênero: comédia

Estreia dia 31 de Julho de 2015

Temporada: até 20 de Setembro

Recomendamos para você:
10ª edição Mostra 3M de Arte - Parque Ibirapuera, São Paulo
Com seis artistas convidados e quatro selecionados via edital público, a Mostra acontece no Parque Ibirapuera a partir de 07 de novembro.
Projeto Fotossensível promove oficinas sobre acessibilidade
O projeto Fotossensível - Curso de Fotografia oferecerá duas oficinas em dezembro sobre acessibilidade.




ENVIE PARA UM AMIGO

Leia mais sobre Cultura

LEIA TAMBÉM:
COMENTÁRIOS


Adicione seu comentário

Nome:
Email:
Cidade e Estado:
Comentário