×
HOME BELEZA BUSINESS E NEGÓCIOS CULTURA DESTINOS EVENTOS GASTRONOMIA HOTELARIA MODA PETS SOCIAL TURISMO ZILDA BRANDÃO DICAS DE VIAGEM QUEM SOMOS TV ZILDA BRANDÃO ÚLTIMAS NOTÍCIAS FALE CONOSCO
     

Whats Instagram Instagram Facebook
×
ENCONTRE SUA NOTÍCIA

CULTURA

0

Zilda Brandão
19/07/2009 às 3:28hs


Exposição Tão Longe, Tão Perto, da Fundação Telefônica, apresenta história da comunicação entre 19 de agosto e 04 de outubro, no Museu Nacional da República, em Brasília 

 

Com curadoria do físico Peter Schulz, a exposição comemora os 10 anos da Fundação, que mostra acervo da Telefônica ao público, exibindo aparelhos raros, fotos e documentos históricos, e abre debate sobre o futuro das telecomunicações

Da voz humana à telepresença, a mostra convida o visitante a interagir e o surpreende com invenções que encurtaram distâncias e redefiniram relacionamentos sociais e estruturas urbanas

Brasília, 19 de agosto de 2009

 A Fundação Telefônica apresenta entre os dias 19 de agosto e 4 de outubro, no Museu Nacional da República, em Brasília, a exposição "Tão Longe, Tão Perto". Com curadoria de Peter Schulz, professor e físico da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a mostra conduz o visitante pela história da comunicação desde os primórdios, quando a voz humana era o recurso possível, até as principais inovações tecnológicas, que promoveram o encurtamento das distâncias geográficas e, ainda hoje, redefinem relacionamentos sociais e estruturas urbanas no Brasil e no mundo. Em 2010, a exposição chega a São Paulo.

Com o apoio da Lei de Incentivo à Cultura, a exposição marca as comemorações dos 10 anos da Fundação Telefônica, que abre ao público o acervo do Núcleo Memória.
Entre aparelhos, centrais telefônicas, as primeiras listas, fotos de época e documentos históricos, serão exibidas cerca de 100 peças, que ajudam a compor o painel da evolução da telefonia e das diferentes formas de comunicação das sociedades. 


Com coordenação geral da Expomus Exposições, Museus, Projetos Culturais Tão Longe, Tão Tão perto foi concebida sob três pilares da comunicação: a formação de redes, a convergência tecnológica e novos comportamentos. Para apresentá-los, foram criados três núcleos com identidades próprias, mas que dialogam entre si. Percorrendo o trajeto, o visitante é convidado a participar, responder enquetes e produzir conteúdos para a construção de um filme interativo.






O curador

Estreando na função de curador, Peter Alexander Bleinroth Schulz é Doutor em Ciências pela Unicamp e pela Universidad Autônoma de Madrid. Atua como professor de graduação e pós-graduação em Física e pesquisador na área de Física da Matéria Condensada. Teve diversos artigos publicados e acaba de lançar o seu primeiro livro, "A Encruzilhada da Nanotecnologia: Inovação, Tecnologia e Riscos".


Exposição "Tão Longe, Tão Perto"
Local: Museu Nacional da República
Endereço: Setor Cultural Sul 70310-000, Brasília – DF
Abertura: 19 de agosto (para convidados) - Período: 19 de agosto a 4  de outubro
Horários: terça a domingo, das 9h às 18h30
Informações: (61) 3325-5220, 3325-6410
Visitas orientadas: (61) 3349-8124
Entrada franca - Acesso e atendimento a portadores de necessidades especiais

 


Recomendamos para você:
Arte de Fernando Botero na Lincoln Road
Exposição de 13 monumentais esculturas em bronze do artista colombiano Fernando Botero
06/09: Musical Teatro das Artes - Shopping Eldorado, Pinheiros. São Paulo
O espetáculo inspirado nas canções de Luan Santana estreia dia 6 de setembro no Teatro das Artes, em São Paulo.




ENVIE PARA UM AMIGO

Leia mais sobre Cultura

LEIA TAMBÉM:
COMENTÁRIOS


Adicione seu comentário

Nome:
Email:
Cidade e Estado:
Comentário