EVENTOS
Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP

O Cônsul Geral da Grécia em São Paulo, Konstantinos Konstantinou ao lado do embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis recebeu cônsules de diversos países, empresários, autoridades da Prefeitura e Governo de São Paulo, convidados especiais e impren

27/06/2016 às 10:01


O Cônsul Geral da Grécia em São Paulo, Konstantinos Konstantinou ao lado do embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis recebeu cônsules de diversos países, empresários, autoridades da Prefeitura e Governo de São Paulo, convidados especiais e imprensa para a abertura da Exposição Fotográfica “Atenas 1896- A Primeira Olimpíada Moderna” na FAAP, no último dia 16 de junho. A mostra reúne fotos raras clicadas pelos fotógrafos o grego Iannis Lampakis e o alemão Albert Meyer que com a revolucionária tecnologia de então puderam imortalizar a primeira edição dos Jogos Olímpicos da Era Moderna.

O Consulado Geral da Grécia em São Paulo traz para o Brasil a Exposição Fotográfica “Atenas 1896 - A Primeira Olimpíada Moderna”

A exposição é composta por reproduções de fotografias e documentos da primeira Olimpíada Moderna realizada em Atenas e irá itinerar de junho a agosto na capital paulista.

Fotos: Laki Petineris

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Anfitriões Embaixador no Brasil da Grécia, Kyriakos Amiridis e o Cônsul Geral da Grécia em São Paulo, Konstantinos Konstantinou

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Cônsul Geral da Grécia em São Paulo Kosntatinos Konstantinou

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Cônsul de Portugal Paulo Jorge Lopes Lourenço e esposa Mafalda Lourenço

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Arquiteta Patrícia Anastassiadis

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Christian Saigh - Presidente do Sindicato da Indústria de trigo do Estado de Sao Paulo e Rosana Saig

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Cônsul Geral do Equador Luis Wladimir Vargas Anda

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Curadora da exposição Isabella Lenzi

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Cônsul de Assuntos Culturais Oscar Soberanes e a Cônsul Margarita Perez Villaseñor do México

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Barão Agenor Nogueira e Christiane Martins

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Sami e Aline Marcovici

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Cris Frissoni e Cleo Ickowicz do Ministério de Turismo de Israel

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Uiara Zagolin e Carlos Ostronoff

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Nahid Chicani - presidente do Rotary de São Paulo e senhora

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
O Consulado Geral da Grécia em São Paulo apresenta a exposição fotográfica “Atenas 1896- A Primeira Olimpíada Moderna” entre os meses de junho e agosto em comemoração às Olimpíadas que acontecem pela primeira vez no Brasil. A exposição será itinerante e acontecerá em vários pontos da cidade de São Paulo simultaneamente. Em junho na FAAP e na Estação Sé do Metrô. Em julho, no Shopping Iguatemi e na Estação Paraiso do Metrô. E, no mês de agosto, a exposição estará no Conjunto Nacional, na Avenida Paulista e na Estação República do Metrô.

Segundo o Cônsul Geral da Grécia em São Paulo, Konstantinos Konstantinou, a ideia de realizar a exposição em diversos pontos da cidade tem por objetivo atrair e atingir o maior número de pessoas para que possam conhecer a história da primeira Olimpíada da Era Moderna e apreciar a beleza das fotografias documentais, no século XIX uma das descobertas mais fascinantes.

A Exposição conta com imagens da primeira edição dos jogos olímpicos da Era Moderna realizados em Atenas, Grécia, em 1896. A habilidade de capturar em detalhes a representação real do momento fez com que a fotografia se tornasse o melhor meio de registro das Olímpidas. O evento, um dos mais importantes do século XIX, foi registrado principalmente pelo fotógrafo grego Iannis Lampakis (1851-1916) e pelo alemão Albert Meyer (1857-1924). Cada fotógrafo registrou as competições e os atletas de uma forma muito subjetiva, contribuiram para agregar valor a este pequeno mosaico fotográfico.

E, são essas imagens que serão expostas pela primeira vez no Brasil. A primeira exposição deste material aconteceu em Londres, em 2012, onde aconteceram os últimos Jogos Olímpicos. Dada à importância histórica e o fato dos Jogos acontecerem pela primeira vez num país da América do Sul, o Consulado Geral da Grécia em São Paulo se mobilizou para trazer a cidade este raro acervo composto por 69 reproduções, das quais 54 são de fotografias das competições, premiações e comemorações e 15 são de ilustrações, notícias de jornal, tíquetes de entrada dos jogos. Além deste material, a mostra é composta por textos que contextualizam a primeira Olimpíada Moderna. Este acervo pertence à Coleção do Museu Benaki, Atenas, ao Museu Histórico Nacional de Atenas, à Biblioteca Gennadius, Atenas, e aos arquivos da família Lampakis.

Desde antes dos Jogos Olímpicos o registro de movimentos era objeto de estudo. Entretanto, somente após a emulsão fotográfica se tornar mais sensível à luz, reduzindo, assim, o tempo para se encontrar o foco correto, que a imagem de um objeto em movimento pôde ser capturada sem que ficasse borrada. O fotógrafo grego pioneiro Iannis Lampakis (1851-1916) parecia estar atualizado às técnicas de revelação da fotografia. Isso fez com que sua abordagem dos Jogos fosse mais naturalista do que a do fotógrafo alemão Meyer. Lampakis registrou tanto os eventos em curso quanto as cerimônias de premiação, antecipando na Grécia, o que no século XX se consagraria como foto reportagem.

As fotografias de Meyer apresentadas na exposição foram impressas em placas de platina, o que permitiu uma ampla gama de tons, conferindo um ar austero ao registro do evento. Suas imagens do Estádio Panatenaico mostram os atletas em poses mais sérias, como se tivessem sido tiradas em um estúdio fotográfico.

Outro dado importante que pode ser apreciado nesta exposição é o avanço técnico da fotografia do final do século XIX, especialmente, a fabricação da primeira câmera portátil da Kodak de fácil utilização (em 1888) e a disponibilidade do filme flexível. Este instrumento, que até então era privilégio de poucos, passa a ser acessível para uma camada mais ampla da sociedade. Assim, além dos fotógrafos profissionais que documentaram o evento de atletismo amadores também testaram suas câmeras portáteis. Ainda que a maioria deles permaneça no anonimato, suas imagens contribuíram para o registro visual dos Jogos. Tiradas das arquibancadas do estádio, suas fotos instantâneas deram uma visão mais geral do Estádio e dos atletas.

Consulado da Grécia - Exposição Atenas 1896 na FAAP
Do Templo de Hera ao Maracanã

Os Jogos Olímpicos aconteceram pela primeira vez em 776 a.C. no santuário de Olímpia (Grécia) em homenagem ao deus Zeus. Assim como nos dias de hoje, os Jogos aconteciam de quatro em quatro. Eram os mais importantes jogos pan-helênicos e representavam tréguas para as guerras de então. As competições na Antiguidade aconteciam no templo de Hera, esposa de Zeus na Mitologia grega, e eram a principal celebração do mundo grego antigo. Com o Cristianismo, os jogos foram abolidos por se tratar de um evento pagão. As Olimpíadas só voltaram a acontecer no século XIX, quando, em 1894, Pierre de Coubertin organizou um congresso internacional na Sorbonne, em Paris, e propôs o retorno de um evento desportivo internacional periódico, inspirado no realizado na Grécia antiga.

Pierre de Coubertin e Dimitrios Vikelas, empresário grego e primeiro presidente do Comité Olímpico Internacional, assinaram o acordo que garantia à Atenas sediar os primeiros jogos olímpicos modernos. Esta decisão audaciosa foi recebida com mais ceticismo que entusiasmo pelo governo grego. Mas a Monarquia e a oposição viram os Jogos como uma oportunidade de resgatar a imagem do país no exterior e fortalecer o elo entre o Estado grego moderno e o passado da Grécia antiga. Foi então que, com patrocínios e doações, o estádio Panathenaico, em Atenas, foi construído sobre as ruinas de um antigo estádio.

A programação dos Jogos Olímpicos de Atenas de 1896 foi definida com base no projeto de Coubertin e incluía as provas de atletismo (corrida, salto em altura, salto em distância, salto com vara, lançamento de disco, arremesso de peso e maratona), ginástica, esgrima, luta livre, tiro, esportes aquáticos (iatismo, natação, remo e polo aquático), ciclismo, hipismo, tênis e cricket. Coubertin tentou mesclar ao máximo as provas de atletismo com os jogos de esportes em equipe.

Nesta primeira edição foram 43 vitórias olímpicas, sendo 11 americanas, 10 gregas, 7 para a Alemanha e 5 para os franceses. Ramos de oliveira eram distribuídos como prêmios, juntamente com um certificado confeccionado pelo pintor grego Nikolas Gyzis e uma medalha desenhada pelo escultor francês Jules-Clement Chaplain.

De Atenas 1896 a Londres 2012 foram 28 Jogos Olímpicos e nesses 116 anos não somente as regras das competições sofreram mudanças. Os uniformes, os equipamentos, os eventos comemorativos, todos acompanharam a evolução tecnológica e cultural dos séculos XX e XXI. Os Jogos Olímpicos foram ganhando cada vez mais adeptos, as mulheres estrearam em eventos femininos, os Jogos Paralímpicos se juntaram à festa e os Jogos de Inverno e da Juventude passaram a constar no calendário.

Evento de origem e tradição europeias, os Jogos Olímpicos chegam à América do Sul pela primeira vez na história. A Olimpíada do Rio é apenas a segunda na América Latina e a terceira no Hemisfério Sul. A Cidade Maravilhosa se prepara para receber turistas do mundo todo e o Maracanã, símbolo carioca, marcará o início das comemorações dos Jogos no Brasil.

Exposição: “Atenas 1896 - A Primeira Olimpíada Moderna”
Data: De 17de junho a 31 de agosto de 2016
Local: Junho: De 17 a 02 /07 na FAAP | de 10 a 30 /06 na Estação Sé do Metrô.
Julho: De 07 a 25/07 no Shopping Iguatemi | de 10 a 31 /07 na Estação Paraiso do Metrô
Agosto: De 01 a 20/ 08 Conjunto Nacional | de 10 a 31 /08 na Estação República do Metrô

Entrada Gratuita

Realização: Consulado Geral da Grécia em São Paulo
Curadoria: Stamos Fafalios e Aliki Tsirgialou
Curadoria local: Isabella Lenzi

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Divulgação



Envie por email para um amigo

Leia mais sobre Eventos


COMENTÁRIOS

Não há comentário postado até o momento

COMENTE

Seu nome:
Seu email:
Deixar seu email visível: 
Cidade/Estado:

Escreva seu comentário


Digite o código abaixo:
35143



Canadá Inesquecível

HOME
QUEM SOMOS
FALE CONOSCO
TV ZILDA BRANDÃO
COLUNA ZILDA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Mira & Destino é um site de informações turísticas, gastronômicas, negócios e novidades no mercado voltado para o público de alto luxo. Nossa intenção é trazer sempre o que de melhor acontece no mundo
BUSCA DE NOTÍCIA
RECEBA NOTÍCIAS